Buscar
Generic filters
Olá, faça seu Login ou Cadastre-se.
Dólar: R$ 5,04

Macramê para Iniciantes – 5 dicas para ganhar dinheiro com essa técnica artesanal

11 de maio de 2021 Dicas

Você sabe o que é o macramê? Na tradução do turco para o português, a gente tem algo como “tecido com franjas, tramas ornamentais e galão decorativo”. Na prática, é um tipo de técnica artesanal usada para produzir peças de decoração e moda. E sim, o macramê para iniciantes dá certo também. 

Só que além de saber disso, vamos ao que interessa: como ganhar dinheiro com a técnica.

1 – Os materiais básicos

A primeira dica que trouxemos aqui de macramê para iniciantes é sobre os materiais que são usados nessa técnica. Primeiro, pense nos fios e saiba que hoje em dia dá para usar vários, como as linhas de crochê, os novelos de barbantes ou mesmo as linhas próprias do macramê.

Aliás, dependendo da sua expertise também pode ser que você trabalhe muito e precise usar algum dedal ou outro acessório para evitar machucado nas mãos. Afinal, todo trabalho artesanal e repetitivo exige esse cuidado.

A escolha sobre os fios importa porque isso vai dar um efeito visual bacana e interessante para a peça no final do trabalho. Obviamente, linhas grossas são mais usadas na decoração. O outro material usado é a base, que pode ser desde um pedaço de madeira até um aro.

2 – Os pontos do macramê

Para quem nunca fez macramê antes e está buscando dicas de macramê para iniciantes, considere que existem dois tipos de nós que podem ser feitos nesse tipo de trabalho manual. O primeiro é o nó duplo e o outro é o nó festonê. A gente vai explicar eles.

O nó duplo é feito com três fios, sendo que o que está no meio fica esticado e os outros são trançados ao redor. O ponto festonê é com dois fios e enquanto um fio fica esticado, o outro se entrelaça a ele e faz um nó lateral.

3 – O macramê como decoração

A partir daqui a gente tem dicas bem mais focadas na parte comercial do trabalho. Ou seja, você, além de saber fazer a peça, também deve saber disso para ganhar dinheiro com o macramê. Então, considere primeiro a aplicação deste produto.

Por ser uma peça versátil e flexível, o trabalho de macramê pode ser usado em peças, bijuterias, acessórios e até mesmo peças de decoração. Atualmente, tem se falado muito sobre a decoração boho, que tem o macramê como queridinho, como toalhas e vasos.

4 – A durabilidade do macramê

Para ser uma boa vendedora de peças de macramê, além de saber fazer o trabalho manual, é interessante você ter a informação sobre a durabilidade das peças. Então, saiba que se for usada como decoração, a peça deve evitar ficar exposta a chuvas e ventos.

Enquanto isso, na hora de fazer a lavagem é preciso fazer a mão, com sabão neutro. Depois, basta deixar secar na sombra para não estragar o produto. E mesmo sabendo disso não se tem resposta certa sobre a durabilidade porque isso depende do fio usado.

5 – O preço do macramê para iniciantes

A última parte é para falar sobre o preço de uma peça feita com essa técnica. Considere que essa conta precisa ser feita individualmente. Primeiro, ela leva em conta o fio usado, depois o tempo de trabalho da artesã. Sem falar dos outros materiais usados.

Na internet, há lojas online que fazem a venda desses produtos, o que pode indicar uma boa base para quem está começando a praticar essa arte. Por exemplo, um painel de macramê de 45×85 cm, feito com corda de algodão e tronco de madeira, custa R$ 346,50.

E, de fato, não vai importar muito se é o seu primeiro trabalho em macramê ou se você já fez vários. O que importa mesmo é que a peça tenha valor final único, que seja linda e acolhida para decorar ambientes variados.

Compartilhe este artigo:

Receba Ofertas e Novidades de nossa loja

Nossa equipe de suporte ao cliente está aqui para responder às suas perguntas. Pergunte-nos qualquer coisa!
WeCreativez WhatsApp Support
Mamoré
Mamoré
Acessível
WeCreativez WhatsApp Support
Graça
Graça
Acessível